segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Projeto de senador paraibano regulamenta a vaquejada

raimundo_liraO senador Raimundo Lira (PMDB-PB) voltou a lamentar decisão recente do Supremo Tribunal Federal (STF) de considerar inconstitucional a Lei 15.299, do estado do Ceará, promulgada em 2013, regulamentando a vaquejada. Ele, mais uma vez, defendeu a regulamentação dessa atividade. No seu entendimento, ela já faz parte da cultura nordestina.
“A ideia dos cearenses foi regulamentar a vaquejada para evitar o sofrimento dos animais, criar mais segurança, fazer com que essa atividade fosse a mais regular possível”, lembrou Raimundo Lira, afirmando que a inconstitucionalidade da lei do Ceará foi “mais uma pancada no já sofrido Nordeste brasileiro”.
Lira detalhou o projeto de lei de sua autoria que restabelece essa manifestação cultural. “Não há nenhuma tortura ao animal”, disse, ressaltando que o vaqueiro derruba o boi na areia. Para ele, reconhecer a vaquejada como manifestação da cultura nacional permitirá ao poder público implementar ações de compatibilização dessa prática.

Nenhum comentário:

Postar um comentário