quinta-feira, 9 de junho de 2016

Esposa do Cabo PM Rangel, assassinado em Caicó, é presa acusada de ser autora intelectual do crime


esposaA esposa do cabo PM Rangel que foi assassinado no mês de abril deste ano em Caicó, Rita de Cássia Rangel, foi presa na noite desta quarta-feira (08), apontada pela Polícia Civil como a autora intelectual da morte do policial.
A informação foi confirmada pelo repórter Sidney Silva em contato com a Delegacia de Polícia Civil.
A mulher estava sendo interrogada nas dependências da Delegacia quando recebeu voz de prisão. A Polícia já tinha solicitado um mandado de prisão temporária, mas, foi decretada a prisão preventiva. Ela foi detida e agora aguarda movimentação de seu advogado que deve pedir a sua liberdade.
Os delegados não foram encontrados para dar declarações sobre a prisão.
O CRIME:
cabo rangelO policial militar morreu na manhã de terça-feira (19) de Abril de 2016 ao ser baleado no peito e no pescoço. O crime aconteceu por volta das 8h no bairro Alto da Boa Vista, em Caicó, cidade da região Seridó potiguar. De acordo com a PM, o cabo Edinaldo da Costa Rangel, de 48 anos, estava dentro de um carro quando dois homens se aproximaram em uma moto e atiraram, naquela ocasião sua mulher Rita de Cássia estava na companhia do PM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário