quinta-feira, 29 de julho de 2021

Bolsonaro sanciona programa de combate à violência contra a mulher

O presidente Jair Bolsonaro sancionou hoje (28) o projeto de lei que cria o programa de cooperação Sinal Vermelho para combater a violência doméstica contra as mulheres. Com a medida, o governo, o Ministério Púbico e a Defensoria Pública poderão firmar parcerias com estabelecimentos privados para ajudar a encaminhar denúncias contra os agressores. As informações são do Diário do Poder.

A sanção, realizada durante cerimônia no Palácio do Planalto, oficializa para todo o país a medida, que foi implantada inicialmente pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) e pela Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) para incentivar as vítimas de violência doméstica a denunciarem agressões nas farmácias.

Nesses casos, os estabelecimentos são treinados para ajudar vítimas de violência. Basta mostrar um X vermelho na palma da mão, pintado com batom ou tinta de caneta, para que o atendente, ou o farmacêutico, entenda tratar-se de uma denúncia e em seguida acionar a polícia.
Durante o evento, a ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou que o presidente Bolsonaro tem compromisso com o combate à violência contra a mulher.

CGU descarta sobrepreço na compra da Covaxin, mas vai investigar Precisa

A Controladoria-geral da União (CGU) não encontrou evidências de sobrepreço na compra da Covaxin, vacina indiana encomendada pelo Ministério da Saúde em fevereiro deste ano.

Mas a pasta suspeita da postura da Precisa, representante brasileira do negócio, e irá investigá-la, segundo relato de fontes com conhecimento direto do caso.

O relatório sobre o caso que está sendo finalizado indicará que a Precisa não ofereceu oficialmente ao governo as doses por US$ 10 para depois fechar contrato por US$ 15.

A CGU reuniu provas que corroboram a versão apresentada por Emanuela Medrades, da Precisa, em depoimento à CPI da Pandemia. Ela disse na ocasião que se tratava apenas de uma expectativa e não uma oferta de fato.

Maleia a notícia completa em: CGU descarta sobrepreço na compra da Covaxin, mas vai investigar Precisa.

Operação Godela II, da Polícia Federal, combate fraudes em financiamentos de veículos no RN

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta, 29/7, a Operação Godela II destinada a apurar fraudes em financiamentos de veículos praticadas entre os anos de 2018 e 2020 no Rio Grande do Norte. Cerca de 20 policiais federais estão cumprindo 5 mandados de busca e apreensão expedidos pela 2ª. Vara Federal/RN, nos municípios de Parnamirim, Espírito Santo e Santo Antônio/RN.

A operação decorre de investigações realizadas por meio de sete inquéritos policiais instaurados nos anos de 2019 e 2020, com base em notícias de crime apresentadas por instituições financeiras e, também, por lojistas lesados.

Os elementos de prova já colhidos indicam que os investigados arregimentam pessoas para se passarem por terceiros, as quais adquirem veículos por meio de financiamentos, cujas parcelas não são quitadas. Até esta data foram identificadas dez aquisições fraudulentas de veículos.

Os suspeitos poderão responder pelo crime de fraude para obtenção de financiamento em instituição financeira, além de associação criminosa e, se condenados, podem cumprir pena de 2 a 4 anos de prisão por cada delito cometido.

A fase da operação Godela hoje deflagrada dá continuidade aos esforços da Polícia Federal no Rio Grande do Norte, iniciados no ano de 2019, para coibir a prática desse tipo de crime.

(*) Sobre o nome da operação, trata-se de um termo regional que significa “se aproveitar de situação para tirar vantagem à custa dos outros”.

quarta-feira, 28 de julho de 2021

Morre Orlando Drummond, o ‘Seu Peru’, aos 101 anos

 

Orlando Drummond morreu aos 101 anos na tarde desta terça-feira (27) O ator, famoso por interpretar o personagem Seu Peru na Escolinha do Professor Raimundo, foi internado em 20 de abril no Rio de Janeiro para tratar de uma infecção urinária

Um dos filhos do ator, Orlando Lima Cardoso, confirmou a morte a Quem. “A gente estava preferindo que isso ocorresse porque meu pai estava sofrendo muito, estava piorando, respondendo cada vez menos. De sábado para cá, ele não se alimentava, nem respondia mais ninguém. Quando ele teve alta do Quinta D’Or, ele veio para casa reconhecendo todo mundo, interagindo, falando, comendo. Mas de uns dias para cá isso começou a mudar e no sábado ele começou a apagar, já não reconhecia mais ninguém, não interagia e parou de comer. Estava só no soro. Estamos aqui ao redor da minha mãe, eu, minha irmã, meu cunhado. Meu filho e meu sobrinho estão viajando e tentando antecipar o voo para o Rio. A família está toda reunida”

À Polícia Federal, Luis Miranda nega ter gravado conversa com Bolsonaro e coloca celular à disposição

Em depoimento à Polícia Federal (PF) nesta terça-feira, o deputado federal Luis Miranda (DEM-DF) negou ter gravado a conversa que teve com o presidente Jair Bolsonaro em 20 de março, em que trouxe denúncias sobre a Covaxin, o mesmo que já havia dito em outras ocasiões. Deixou também seu celular à disposição das autoridades para extração das mensagens sobre o tema.

A PF investiga se o presidente Jair Bolsonaro teria cometido prevaricação ao deixar de levar adiante as denúncias apresentadas por Miranda e seu irmão, Luis Ricardo Miranda, servidor concursado do Ministério da Saúde. Luis Ricardo disse que estava sofrendo uma pressão atípica de superiores no processo de importação da Covaxin, vacina indiana comprada por R$ 1,6 bilhão em contrato hoje suspenso.

Miranda disse que o delegado que o interroga nesta tarde de terça-feira é “muito sério e interessado na verdade dos fatos” e não perguntou “nada que me deixasse constrangido”. O depoimento ainda está em andamento.

O Globo

BOCA QUENTE: Operação das polícias em Extremoz apreende mais de 180Kg de maconha e cocaína, fuzil e munições

Uma operação das polícias militar e civil apreendeu na noite desta terça-feira (27) uma grande quantidade de drogas durante uma operação na cidade de Extremoz.

Foram apreendidos aproximadamente 100 Kg de maconha e mais 80 Kg de cocaína.
Na operação, os policiais também apreenderam um fuzil AM 16, 500 munições, uma arma calibre 12, além de uma quantidade de pasta base de cocaína que ainda está sendo contabilizada.

Também foi apreendido um veículo que pertenceria a um vereador do município de Extremoz, com bastante material das eleições passadas no interior do automóvel.

terça-feira, 27 de julho de 2021

Apoio ao voto com comprovante impresso sobe para 46%

 

A proposta de voto impresso nos moldes defendidos pelo presidente Jair Bolsonaro ganhou mais defensores nos últimos 2 meses, de acordo com pesquisa PoderData realizada em 19 a 21 de julho de 2021. De acordo com o levantamento, 46% são a favor e 40% são contra a emissão de um comprovante em papel depois da votação na urna eletrônica, enquanto 14% não sabem como responder.

Os números representam uma inversão em comparação ao final de maio, quando 46% se diziam contrários e 40% eram favoráveis à proposta. O número de indecisos se manteve.as informações são do Poder 360.

quinta-feira, 22 de julho de 2021

PREFEITURA DE CURRAIS NOVOS ESTABELECE CRONOGRAMA DE RETOMADA DAS AULAS PRESENCIAIS

 

A Prefeitura de Currais Novos, por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes (SEMEC), em consonância com o Plano de Retomada das Atividades Presenciais na rede estadual de ensino da Secretaria de Estado da Educação, da Cultura, do Esporte e do Lazer (SEEC-RN), irá retomar as atividades escolares presenciais da Rede Municipal de Ensino no próximo dia 27 de julho.

As diretrizes com os protocolos para esse retorno que será gradual, facultativo e híbrido, foi discutido na manhã desta quarta-feira (21), em reunião ocorrida na Semec, com as presenças do Prefeito Odon Júnior; da Secretária Lourdes Matias e o corpo técnico da secretaria.

De acordo com a Secretária de Educação, o retorno das aulas presenciais deve ocorrer observando:

a) As etapas e seus estágios, como orientado nos documentos oficiais;

b) A organização dos estudantes, garantindo medidas sanitárias, considerando a capacidade espacial, (inicialmente 30%), podendo haver ou alterar essa
porcentagem observando a distância e cuidados de biossegurança no revezamento entre estudantes da mesma turma, entre turmas, com turmas com poucas matrículas, descrito no Plano de Retomada da Escola;

c) O retorno ocorrerá de forma facultativa, permitindo aos familiares do estudante à escolha se estes retornarão às atividades escolares Presenciais ou se permanecerão com as atividades não Presenciais, devidamente associado ao planejamento do professor para cada turma;

d) A criação de um mecanismo para monitorar e acompanhar a decisão da família sobre cada estudante;

e) O ensino na perspectiva híbrida desenvolverá atividades presenciais, em articulação com atividades não presenciais, com o objetivo de organizar orientações de estudo e de recuperação dos objetos de conhecimentos, das habilidades e da participação dos estudantes, mediados ou não por tecnologias digitais.

“Todas as decisões foram tomadas com base nas orientações e nas diretivas sistematizadas, preconizadas pela Secretaria Estadual de Educação do RN, elaborado pelo Comitê de Educação para a Gestão das Ações de Combate à COVID 19, instituído por meio do Decreto n° 29.973/2020, coordenado pela SEEC-RN, e aprovado pela Resolução CEE-RN n° 04/2020, bem como as orientações de diversas normativas publicadas durante o período pandêmico”, comentou a Secretária Lourdes Matias.

O retorno acontecerá já no próximo dia 27 de julho, com os servidores e profissionais da educação às instituições escolares, desenvolvendo ações de integração socioemocional com as equipes e profissionais docentes, técnico-administrativas e funcionários terceirizados, estagiários e colaboradores.

No próximo dia 02 de agosto, acontecerá o retorno gradual dos estudantes, com medidas de integração, de cuidado e de atendimento aos diversos grupos e turmas, incluído a orientação e a assistência às famílias.

A ordem de retorno dos estudantes seguirá a seguinte determinação, com intervalos determinados no Plano de retomada estadual com adaptações:

Estágio I – dividido em 4 fases:

1ª fase- Semana de Integração dos profissionais em educação (a partir do dia 27 de julho);

2ª fase (mínimo 30%): Alunos matriculados no 9º e 8º, 5º e 4º anos do Ensino Fundamental e Educação de Jovens e Adultos (a partir do dia 02 de agosto);

3ª fase (mínimo 30%): Alunos matriculados no 3º, 6°e 7º anos do Ensino Fundamental (a partir do dia 16 de agosto);

4ª etapa (mínimo 30%): Alunos matriculados no 2º e 1º anos do Ensino Fundamental, anos iniciais, Pré-escola e creche (a partir de 30 de agosto);

Estágio II – dividido em 3 fases, subindo a porcentagem para 50%, 75% e 100%, respeitando os intervalos entre as fases (a partir do dia 13 de setembro).

Ainda segundo a Secretária de Educação, o retorno das atividades presenciais contará com o apoio da Secretaria Municipal de Saúde, através da Vigilância Sanitária; além do SEBRAE/SESI/UNDIME, que juntos estão colaborando na formação dos profissionais da educação com temas relativos aos protocolos de segurança sanitária e novas rotinas escolares.

Ministro da Defesa faz ameaça e condiciona eleições de 2022 ao voto impresso, diz jornal

 

No último dia 8, uma quinta-feira, o presidente da Câmara, Arthur Lira (Progressistas-AL), recebeu um duro recado do ministro da Defesa, Walter Braga Netto, por meio de um importante interlocutor político. O general pediu para comunicar, a quem interessasse, que não haveria eleições em 2022, se não houvesse voto impresso e auditável. Ao dar o aviso, o ministro estava acompanhado de chefes militares do Exército, da Marinha e da Aeronáutica.

O presidente Jair Bolsonaro repetiu publicamente a ameaça de Braga Netto no mesmo 8 de julho. “Ou fazemos eleições limpas no Brasil ou não temos eleições”, afirmou Bolsonaro a apoiadores, naquela data, na entrada do Palácio da Alvorada.

A portas fechadas, Lira disse a um seleto grupo que via aquele momento com muita preocupação porque a situação era “gravíssima”. Diante da possibilidade de o Congresso rejeitar a proposta de emenda à Constituição que prevê o voto impresso – ainda hoje em tramitação numa Comissão Especial da Câmara –, Bolsonaro subia cada vez mais o tom.

Em transmissão ao vivo nas redes sociais, no dia 6 de maio, o presidente já dizia, sem apresentar provas, que o atual sistema de urna eletrônica permite fraude. “Vai ter voto impresso em 2022 e ponto final. Não vou nem falar mais nada. (…) Se não tiver voto impresso, sinal de que não vai ter a eleição. Acho que o recado está dado”, afirmou Bolsonaro. O que não se sabia, àquela altura, é que o presidente contava com o apoio da cúpula militar para suas investidas autoritárias.

Lira considerou o recado dado por Braga Netto como uma ameaça de golpe e procurou Bolsonaro. Teve uma longa conversa com ele, no Palácio da Alvorada. De acordo com relatos obtidos pelo Estadão, o presidente da Câmara disse ao chefe do Executivo que não contasse com ele para qualquer ato de ruptura institucional. Líder do Centrão, bloco que dá sustentação ao governo no Congresso, Lira assegurou que iria com Bolsonaro até o fim, com ou sem crise política, mesmo se fosse para perder a eleição, mas não admitiria golpe.

Bolsonaro respondeu que nunca havia defendido um golpe. Afirmou, ainda, que respeitava “as quatro linhas da Constituição”, como sempre costuma dizer em público. Lira rebateu, observou que o emissário havia sido muito claro ao dar o alerta e avisou o presidente de que a Câmara não embarcaria em nada que significasse rompimento com a democracia.

Estadão Conteúdo

sábado, 10 de julho de 2021

Sistema de segurança recebe mais R$ 15,4 milhões em veículos e equipamentos

 

Foram entregues 16 caminhonetes 4×4, quatro caminhões tanque auto bomba, armas, rádios e mobiliário.

A partir desta sexta-feira, 09, os órgãos do sistema estadual de segurança do RN – Polícias Militar e Civil, Corpo de Bombeiros Militar e Itep – passam a contar com novos equipamentos e veículos. O investimento é de R$ 15 milhões viabilizado por convênios com o Governo Federal, emendas parlamentares e contrapartida do Governo do Estado.

Anvisa alerta para risco de miocardite após vacina da Pfizer

Duas semanas após a FDA (Agência de Alimentos e Medicamentos dos EUA) emitir um alerta para casos raros de miocardite e pericardite associados às vacinas de RNA mensageiro da Pfizer e Moderna contra covid-19, a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) divulgou um comunicado semelhante nesta sexta-feira (9).

Apenas o imunizante da Pfizer está em uso no Brasil. Mesmo assim, o órgão regulador brasileiro reproduz o entendimento da FDA ao dizer que “há riscos aumentados para a ocorrência de miocardite e pericardite, particularmente após a aplicação da segunda dose das vacinas”.

“Os sintomas — dor no peito, falta de ar, palpitações ou alterações de batimentos cardíacos — surgem alguns dias após a vacinação”, explica a nota de hoje.

Assim como a OMS (Organização Mundial da Saúde), a Anvisa mantém a recomendação de continuidade da imunização com a vacina da Pfizer, dentro das indicações descritas em bula, “uma vez que, até o momento, os benefícios superam os riscos”.

Ainda segundo a agência brasileira, não há até o momento relatos desse tipo de efeito adverso em indivíduos vacinados com a Pfizer no Brasil.

“A situação indica necessidade de uma maior sensibilização por parte dos serviços e profissionais de saúde para o adequado diagnóstico, tratamento e notificação de casos. A identificação precoce de sintomas e a adoção de tratamento oportuno são aspectos fundamentais para uma melhor evolução clínica de pacientes com quadro de miocardite e pericardite”, acrescenta.

Nos EUA, identificou-se que os casos de miocardite após a segunda dose de vacinas de RNA foram mais comuns em jovens de 12 a 24 anos.

A recomendação é que qualquer pessoa que apresente os sintomas descritos acima após a segunda dose da Pfizer procure atendimento médico imediato.

Agora RN

sexta-feira, 9 de julho de 2021

Polícia Civil prende homem por tráfico de drogas em Cruzeta

 

Policiais civis da 3ª Delegacia Regional de Polícia de Cruzeta, com apoio da Guarda Municipal e da Polícia Militar, prenderam, nesta quinta-feira (08), Leandro Farias da Costa, de 22 anos, conhecido como “Jaquinha”. Ele foi detido no bairro Alto dos Remédios, em Cruzeta, pelo crime de tráfico de drogas.

Segundo informações, uma dupla de irmãos estava atuando no tráfico de drogas no local, inclusive, na posse de armas de fogo. Durante busca em um dos imóveis, foram encontrados diversas pedras de “crack” e dinheiro fracionado, caracterizando o tráfico de drogas. Três pessoas foram conduzidas à delegacia.

Leandro Farias foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, e, em seguida, foi encaminhado ao sistema penitenciário, onde se encontra à disposição da Justiça. Os outros suspeitos foram ouvidos e liberados.

A Polícia Civil pede que a população continue enviando informações de forma anônima, por meio do Disque Denúncia 181.

Fonte: Secretaria de Comunicação Social da Polícia Civil/RN –

HOMICÍDIO NA NOITE DESSA QUINTA-FEIRA (08) EM CURRAIS NOVOS

Por volta das 19h40 min dessa quinta-feira (08\07\2021) um homicídio foi registrado na avenida Candido Dantas, bairro Parque Dourado, Currais Novos, tendo como vítima ANDERSON BATISTA DE ASSIS vulgo “FEBRÔNIO”, de 29 anos de idade, que foi atingido por vários  disparos de arma de fogo, alguns deles na cabeça. Nesse momento várias viaturas da Polícia Militar estão mobilizadas a procura dos assassinos, que a princípio estariam em uma motocicleta, informação ainda não confirmada. O atirador estaria com uma camiseta vermelha. Polícia Civil e ITEP também foram acionados e estão sendo aguardados no local.

A vítima tinha algumas passagens pela justiça e a Polícia Civil investigará o caso. Não há informações sobre a motivação do sinistro.