segunda-feira, 10 de julho de 2017

FOTO: Membro de organizada, vascaíno foi morto pela PM segundo testemunhas

Torcedores do Vasco que estavam ao lado de Davi Rocha Lopes, 27 anos, após o clássico contra o Flamengo, no sábado (8), dizem que ele morreu depois de levar um tiro disparado por um policial militar. Segundo seus amigos, Davi não conseguiu entrar em São Januário, mas assistiu à partida do lado de fora.

Ele trabalhava em uma lanchonete, morava em uma comunidade e gostava de dançar “passinho”. Conhecido como “Jacaré”, ele não enxergava de um olho.
Os detalhes sobre o momento de sua morte foram contados por um de seus amigos, e mais tarde confirmados com outras fontes. As pessoas consultadas preferiram não ter a identidade revelada.
Confira reportagem aqui
UOL
SHOP LANCHES

Nenhum comentário:

Postar um comentário