quinta-feira, 20 de abril de 2017

Carroceiro vítima de tiros em Caicó foge do hospital sem prestar queixa a polícia


Em Caicó, a polícia até que tentou colher o depoimento de “Neguinho das Carroças”, vítima de tentativa de homicídio ontem, quarta feira, 19 de abril, no bairro João Paulo II, zona oeste de Caicó, mas ele pegou o beco depois de ser atendido no Hospital Regional do Seridó.
Por se tratar de crime contra a vida, torna a ação incondicionada, o que obriga a vítima ir à delegacia prestar esclarecimentos/depoimento à autoridade competente. A polícia acredita em acerto de contas por causa do tráfico de drogas, e vai investigar a fundo para esclarecer a motivação.
A polícia, inclusive, por meio de depoimento de testemunhas, já sabe quem foi o indivíduo que atentou contra a vida do carroceiro, é um elemento de alcunha "RALIM", que sumiu após o crime e até o momento não mais foi visto. Sem o depoimento da vítima, a polícia não pode agir.
"Quem o encontrá-lo deve acionar a polícia imediatamente para que seja ouvido pela autoridade competente", disse um policial que também está à frente do caso.(JairSampaio).
SHOP LANCHES

Nenhum comentário:

Postar um comentário