quinta-feira, 17 de novembro de 2016

201ª e 202ª Morte violenta em Mossoró em 2016: Dois adolescentes foram mortos a tiros na madrugada de hoje em bairros diferentes da cidade


Mais uma madrugada violenta foi registrada na cidade de Mossoró, cidade localizada no Oeste do Rio Grande do Norte. Dois adolescentes foram mortos vítimas de disparos de arma de fogo. 
No início da madrugada, Rafael Gadelha Alves “Rafaelzinho” de apenas 16 anos de idade foi morto a tiros, na Rua General Péricles, na Ilha de Santa Luzia. Segundo informações, ele estava retornando para sua casa de bicicleta, quando foi surpreendido e morto com disparos de uma arma de pequeno calibre e escopeta calibre 12. 
Segundo o Perito Criminal Otavio Domingos, pelas características, “Rafaelzinho” foi baleado em deslocamento e ainda conseguiu conduzir a bicicleta por alguns quarteirões e não resistiu. Ainda segundo o perito, ele foi alvejado com cerca de 06 disparos da arma de pequeno calibre e 01 de escopeta. A pericia criminal identificou tambem escoriações provocadas por coronhada de revolver.

Quase no mesmo horário Emerson Melo dos Santos, de apenas 16 anos de idade, natural de Osasco no estado de São Paulo, foi morto a tiros de espingarda, na Rua Norma Lima de Santana, próximo ao Visual Bar no Alto da Pelonha. 
Segundo informações, “Galeguinho”, como era conhecido a vítima, foi retirado de dentro de casa onde dormia com a avó e o padrasto e foi morto no quintal da casa. 
A polícia recebeu informações que os criminosos pararam um carro na rua de trás e entraram pelo quintal da residência. O padrasto disse que ouviu alguém chamando e foi o próprio adolescente quem abriu a porta dos fundos da casa. 
O padrasto disse ainda, que quando se levantou, ouviu o adolescente chamando pela mãe, mas quando ouviu o primeiro disparo, retornou para o quarto e ouviu outros disparos. 
Segundo o Perito Criminal Otavio Domingos, Emerson Galeguinho foi alvejado com 04 tiros de espingarda caseira. O perito disse que não constatou sinais de arrombamento na residência, confirmando a versão da família. 
Segundo a Polícia, os dois adolescentes, eram envolvidos com delitos na região e com histórico de passagens pelo sistema prisional.
LIQUIGÁS

Nenhum comentário:

Postar um comentário